Tratamento majestoso

Quem nos conhece há algum tempo sabe que somos capazes de perseguir objetos rosas pelas ruas, como descreve este post de 2012. Nossa última perseguição foi a um carro que nos atraiu primeiramente pelas cores. Um carro chamado Up!, que é tudo o que desejamos às mães recém-nascidas. Queremos que …

Por onde NÃO andei

Tenho escrito pouco. Pouquíssimo, reconheço. Inspiração não falta. Rareou o tempo, que já era escasso. Claro, não é que diminuíram as horas no dia, mas aumentaram – e muito – as atividades. Já na virada do ano, Taís Viana, minha parceira de direção no CineMaterna, já previa que estaríamos menos …