Nosso dia de lançamento em Curitiba, na quinta passada, começou assim:


Na feira, comendo pastel no café-da-manhã. Nada saudável, mas eu adoro, confesso. Ficamos hospedadas na casa do meu irmão, o de camiseta laranja, que nunca tem nada na geladeira. Íamos a uma padaria perto do shopping, mas estava fechada, e por isso, acabamos na feira, que é do lado. Aliás, a feira de Curitiba é um capítulo à parte, vai ganhar um post fotográfico mais para frente. Adivinha qual é a Taís nesta foto?

A equipe curitibana é mais que especial.

A partir da esq: Sintya, Carla, Taís, Silvana, Melissa e Irene

Sintya participava das sessões em SP com Francisco, de seis meses, e mudou-se para Curitiba uma semana antes do lançamento. Carla morou um tempo em SP, é mãe de três lindas meninotas (ela, com esta cara de menina). Silvana é mãe de um de 19, apesar de não parecer. E Melissa, que é de Santo André (SP), tem dois meninos e uma loja de roupinhas infantis modernas. E ainda tem a Patrícia, que não pôde ir pois é doula e estava num parto.

Curitiba tem fama de cidade difícil. Mas nós comprovamos que é só fama! Ficamos com receio que viesse pouca gente. Parece pouco para você?

Achamos que a imprensa nem ia ligar muito. Bom, vieram quatro emissoras de TV’s (veja uma das reportagens aqui), uma rádio fazer cobertura ao vivo, e um jornal. Foi o dia de estrela das mães, que merecem toda a atenção do mundo!


Nem sempre faço um discurso de abertura, mas não tinha como não falar naquela sala praticamente lotada. Ah, não foi fácil falar. A emoção tomou conta como nunca antes, eu começava a falar, a voz embargava, os olhos enchiam d’água. Foram três interrupções. E depois, precisei ficar num canto por um tempo para me recuperar. Não sei o que deu em mim.

Aliás, quando o filme estava para começar, olhei para o fundo da sala e vi os quatro cinegrafistas filmando. Foi muito engraçado, parecia uma coletiva de imprensa. A foto está péssima, mas dá para ter uma ideia.


Quer ver um pouco do que estes cinegrafistas filmaram?

Não vi o filme. Era muita correria, perdi tantas partes que desisti de assistir. Taís e eu resolvemos ficar de guardiãs dos carrinhos, hehehe. Somos as duas rosinhas sentadas nos degraus ao fundo.


Nada como sair muito feliz de um evento pensado e executado com tanto carinho. O problema foi sair de Curitiba. Aeroporto de São Paulo fechado, o painel, que mostra o atraso de 1h30, ainda diz que é um “atraso meteoro”.


Torcemos para que fosse um atraso meteórico, rápido, e não que tivesse caído um meteoro! Mas no final, era a bendita chuva mesmo. Cheguei em casa à meia-noite, absolutamente moída, pois era meu segundo lançamento na mesma semana, minha segunda viagem, e, felizmente, o segundo sucesso de público.

0 Comments

  1. Avatar

    Irene, parabéns por mais uma conquista. A emoção com certeza é decorrente de um projeto que tomou vida a partir de um prazer pessoal seu e que de repente você se deu conta que tantas outras famílias também compartilham do gosto de se fazer o que se gosta ao lado de quem se ama. Parabéns mais uma vez! Emocione-se sempre. Emocione-se cada vez mais! É uma conquista resultante de um amor de mãe. Você merece!
    Vanessa Datrino
    http://www.millembrancas.blogspot.com

  2. Avatar

    Irene! Não tem como ler seus posts sobre os lançamentos e não se emocionar.
    Emoção pelo projeto que é maravilhoso e esta dando certo e emoção por pensar em tantas mães que como eu estão aprendendo a sair com seus bebês, conhecendo gente nova, fazendo amigas…
    Não vejo a hora de começar a frequentar as sessões novamente…depois do Carnaval eu e a Giulia estaremos por aí.
    Beijos e mais uma vez Parabéns!!!
    Melina
    http://www.oladomdemamae.blogspot.com

  3. Avatar
    Melissa Schultz

    Irene, obrigada por trazer este projeto tão especial para Curitiba. E também pelas fotos publicadas aqui no blog, fui com a minha bebê de 2 meses e não tinha tirado nenhuma foto e aqui tem 2, oba!Ótima recordação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *