Eu adoraria ser a pessoa mais zen do mundo e passar o dia observando cada movimento de desenvolvimento do meu pequeno, ao invés de fazer quinhentas coisas ao mesmo tempo, inclusive, contemplá-lo.

0 Comments

  1. Avatar

    Irene, me identifico muito com isso e me culpo tb…Sempre penso que deveria ficar mais zen com as criança, mas daí resolvo cuidar da casa, fazer comida, ligar o computador, blogar, trabalhar na net e ficar de olho neles…

    Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *